Engenheiros e Arquitetos da PCR se reúnem com entidades sindicais

No dia 06/04, servidores da administração direta e indireta da Prefeitura do Recife apresentaram suas demandas para entidades sindicais. Sindicatos e Associação se comprometem com a luta da categoria. 

Engenheiros e Arquitetos da administração direta e indireta da Prefeitura do Recife se reuniram com os sindicatos representantes da categoria, no dia 06/04. Entre as entidades presentes estavam o Sindicato dos Engenheiros no Estado de Pernambuco (Senge-PE), representado pelo diretor Hermínio Filomeno, o Sindicato dos Arquitetos no Estado de Pernambuco (SAEPE), representado pelo presidente Gustavo Cauás e a Associação dos Arquitetos, Agrônomos e Engenheiros das Entidades da Administração Pública Direta e Indireta da Prefeitura da Cidade do Recife (ASSAEPRE), através do presidente Ernesto Gurgel.

O objetivo do encontro foi aproximar os servidores das entidades, ouvir as demandas da categoria e participar ativamente da luta pela garantia dos direitos e pela valorização profissional.

Os servidores falaram sobre a necessidade do engajamento das entidades na luta da categoria. Entre as demandas pontuadas estão: Salário Mínimo Profissional, exercício da atividade técnica no município, Plano de Cargo e Carreiras, situação das gratificações e adicionais de categorias específicas, remuneração indenizatória, Tabela Salário Única para uma jornada diária, quadro resumido de técnicos, atribuições e funções do analista. Vários profissionais cobraram a presença e aproximação das entidades, declarando que há mais de cinco anos a categoria não conquista aumento real do salário, além de conviver com condições difíceis de trabalho mediante grandes responsabilidades.

Outra necessidade destacada pelos profissionais refere-se a anuidade e obrigatoriedade do registro nos Conselhos de classe (CREA e CAU). Foi solicitado das entidades presentes a formulação de um documento oficial para ser enviado aos Conselhos, enfatizando a luta da categoria.

As entidades se comprometeram com a luta da categoria e marcaram um novo encontro com os profissionais no próximo dia 20 para acompanhar as demandas levantadas.